Dispositivo gera hidrogênio e reduz emissões

20/05/2022

A startup paulista Green Fuel oferece um dispositivo que gera hidrogênio on demand, que quando injetado no sistema de admissão de motores a combustão interna melhora a queima de combustível e gera menor consumo e emissões. O dispositivo passou por diversos testes, e atualmente está em validação no campo. 

A Green Fuel é a nova empresa selecionada pela ShiftT (aceleradora da Tupy) para a fase de aceleração, processo onde a intenção é chegar na validação do MVP (Minimum Viable Product) e viabilizar um business case robusto com potencial de escalar a solução no mercado nacional. Durante este período, além do acesso a toda estrutura e expertise da Tupy, os empreendedores recebem orientação e acompanhamento exclusivos, pelos mais de 30 mentores da ShiftT, que são profissionais da Companhia com experiência nas mais diferentes áreas de conhecimento.

A primeira etapa do processo teve mais de 100 interessadas, das quais a Tupy selecionou 75 negócios para avaliação de especialistas técnicos das mais diferentes áreas e, em seguida, chegou a 13 empresas, das quais oito participaram do Pitch Day, realizado com a diretoria da Tupy. Após a pré-aceleração, foram escolhidas 4 startups para seguir no programa. “Importante destacar que não nos limitamos apenas a avaliar as startups. Procuramos entender se a Tupy tinha os elementos necessários para proporcionar o desenvolvimento das futuras aceleradas. A pré-aceleração foi o momento para garantir que todos iriam extrair o máximo valor dessa jornada”, conta Daniel Moraes, gerente de Inovação e Transformação Digital da Tupy.

O programa se destaca pelo conceito equity free, ou seja, o empreendedor não precisa renunciar a parte da sua empresa para poder participar do processo de aceleração. Além disso, são premissas da ShiftT o respeito total à propriedade intelectual das startups e dos seus talentos. Outra característica é que as provas de conceito serão remuneradas. “Desde a sua fundação, em 1938, a Tupy se destaca pelo pioneirismo e, ao longo da sua história, realizou sempre atuou em parcerias e investiu em P&D. Tivemos vários saltos de inovação nessa trajetória e queremos compartilhar esse conhecimento e aprender também. Por isso, queremos que as startups selecionadas venham expandir suas ideias e contribuir com o nosso futuro”, diz Fernando de Rizzo, CEO da Tupy.