25/09/2019 UNIDADES DE CONSERVAÇÃO

Rejeitado PL que proibia mineração no entorno

A Comissão Mista Especial da Câmara dos Deputados rejeitou o Projeto de Lei nº 10.874, de autoria do deputado Lincoln Portela (PL/MG), que proibia a mineração em faixa de 10 km no entorno de unidades de conservação. A comissão aprovou o voto em separado do deputado Arnaldo Jardim (Cidadania/SP), que propunha a rejeição da matéria. 
 
Portela afirmava que a Lei nº 9.985/00 prevê a zona de amortecimento, na qual há restrição para atividades com o propósito de minimizar impactos ambientais na reserva. Segundo o deputado é necessário aprimorar a norma. “No caso particular da atividade de mineração, tendo em vista seu elevado impacto ambiental, a zona de amortecimento não pode ser inferior a 10 km, e a norma, para ser eficaz, deve estar estabelecida em lei”, diz Portela. Atualmente, o limite da zona de amortecimento é definido caso a caso, podendo ser na criação da Unidade de Conservação ou posteriormente. Os parlamentares da Comissão alegaram que a legislação ambiental brasileira já é bastante rigorosa e que a aprovação da matéria prejudicaria a mineração em vários estados. 

Veja também

10/09/2019
MEIO AMBIENTE | Protocolado pedido de impeachment
19/07/2019
PLÁSTICO | SP sanciona lei que bane canudos
10/06/2019
GOVERNO BOLSONARO | Entidades criticam política ambiental
06/02/2019
UNIDADES DE CONSERVAÇÃO | SP cria quatro novas reservas
29/05/2018
EDUCAÇÃO AMBIENTAL | Projeto destina 20% de recursos com multas
27/04/2018
LICENCIAMENTO AMBIENTAL | SP condiciona à logística reversa