25/10/2020
ENERGIA SOLAR

Parceria para projetos em municípios

A Associação Brasileira de Energia Solar Fotovoltaica (ABSOLAR) assinou memorando de entendimento com a C40 Cities Finance Facility (CFF) para colaborar em projetos de energia fotovoltaica em cidades no Brasil. A CFF é uma parceria conjunta liderada pela C40 Cities e a Deutsche Gesellschaft für Internationale Zusammenarbeit GmbH (GIZ) e apoia cidades selecionadas no Sul Global por meio de suporte técnico e financeiro para a entrega de ações climáticas ambiciosas. 

Atualmente, o CFF apoia projetos no Rio de Janeiro e Curitiba na área de energia solar. A ABSOLAR tem impulsionado a implementação acelerada da energia solar no Brasil, que em 2020 se tornou um dos 20 maiores países do mundo em capacidade instalada de energia solar fotovoltaica. A parceria permitirá a combinação de expertise das duas associações, além da capacidade para apoiar municípios. não apenas na preparação de projetos solares fotovoltaicos, mas também na formulação de mecanismos de política inovadores para facilitar o uso público e privado da energia solar. As duas organizações também irão realizar eventos e workshops sobre o tema. 

“Estamos muito motivados a cooperar com a C40 e a GIZ no desenvolvimento de novos programas e iniciativas fotovoltaicas para permitir que municípios, empresas e cidadãos usem essa tecnologia renovável competitiva para reduzir custos, criar novas oportunidades e apoiar metas de sustentabilidade”, disse Rodrigo Sauaia, CEO da ABSOLAR. Manuel Olivera, Diretor Regional do C40 para a América Latina, destacou que esta cooperação “é um passo importante para fomentar energias limpas e renováveis em cidades de todo o Brasil e apoiá-las no cumprimento dos objetivos do Acordo de Paris e reduzir as emissões de gases de efeito estufa ao mesmo tempo em que melhora a segurança energética, gerando importante economia e criação de novos empregos verdes". 

Os projetos de Curitiba e Rio de Janeiro têm como foco a instalação de sistemas solares fotovoltaicos em aterros sanitários desativados. No caso da capital paranaense, o projeto deve também ser instalado em terminais de ônibus. Estes são os primeiros cases na América Latina, o que representa um avanço para as duas organizações. ABSOLAR e CFF querem compartilhar e disseminar para outros municípios no Brasil e na região.

Veja também

01/12/2020
ENERGIA EÓLICA | Estudo mostra impacto positivo
01/12/2020
ENERGIA SOLAR | ES quer triplicar investimentos
01/12/2020
ENERGIA SOLAR | Brasil atinge 7 GW de potência
23/11/2020
VEÍCULOS ELÉTRICOS | Santos Brasil instala carregadores no Porto
23/11/2020
ENERGIA SOLAR | UFSCar implanta duas usinas no campus
09/11/2020
ENERGIA SOLAR | ABSOLAR cobra adesão do Brasil à ASI
23/10/2020
ENERGIA | Abiogás quer maior parcela na matriz
23/10/2020
ARTIGO | O impacto da falta de eficiência energética no Brasil
12/10/2020
BIODIESEL | Petrobras bate recorde de produção do S-10
06/10/2020
COMBUSTÍVEIS FÓSSEIS | Europeus querem banir carros em 2030
06/10/2020
BIOCOMBUSTÍVEIS | Petrobras inicia venda de subsidiária
30/09/2020
ENERGIA SOLAR | Brasil ultrapassa 300 mil conexões