12/05/2020
SANEAMENTO

Telemetria para otimizar serviços

A BRK Ambiental utiliza em Limeira (SP) diversas tecnologias com o objetivo de garantir à população acesso ao abastecimento de água e ao esgotamento sanitário. Uma das tecnologias é a Telemetria, que permite a transmissão remota de dados. 

As informações transmitidas pela Telemetria são recebidas pelo Centro de Controle Operacional (CCO) da companhia, que tem acesso a todas as informações referentes ao abastecimento de água e tratamento de esgoto na cidade. “Conseguimos controlar e monitorar o nível dos reservatórios, pressão e vazão, além da quantidade de esgoto que está sendo tratado em tempo real. Temos o controle do sistema de água e esgoto de maneira remota”, explica Rogério Lima, gerente de operações da BRK Ambiental em Limeira. 

Para o serviço de Telemetria funcionar, a BRK investiu em infraestrutura de automação para o acompanhamento e a operação dos reservatórios, estações de bombeamento de água e de esgoto, estações de tratamento de água e de esgoto, entre outros. O serviço de automação consiste em equipamentos como sensores, medidores, painéis e CLPs – Controlador Lógico Programado, além do sistema de comunicação de rádio ou GPS para a transmissão desses dados para o computador do CCO, que poderá adotar as medidas necessárias no caso de qualquer ocorrência. “Se o nível do reservatório está alto, eu posso fechar um registro para evitar que haja extravasamento de água. Não preciso deslocar uma equipe até o local para realizar o fechamento do registro. Eu consigo otimizar o tempo e os serviços realizados pelas equipes de campo”, complementa o gerente.

Veja também

06/07/2020
ARTIGO | Um novo marco para o Brasil
06/07/2020
MARCO REGULATÓRIO | ANA promete parceria com agências subnacionais
06/07/2020
ABASTECIMENTO | BRK Ambiental conclui obra em Limeira
29/06/2020
NOVO MARCO DO SANEAMENTO | KPMG prevê mais de R$ 700 bi para universalização
29/06/2020
BRK AMBIENTAL | Posicionamento sobre marco regulatório''